Neoplasias de Cabeça e Pescoço

As neoplasias de cabeça e pescoço compreendem uma variedade de tipos histológicos e podem surgir na cavidade oral, faringe, laringe, cavidade nasal, seios paranasais, tireóide e glândulas salivares. o pico de incidência destes cânceres ainda predomina na população do sexo masculino, de maior idade, porém a disseminação dos fatores de risco e a infecção por hpv vêm mudando este cenário. o tabagismo é o fator de risco mais conhecido e seu mecanismo de ação se dá por lesão direta à mucosa das vias aéreas superiores e inferiores, criando um uma área cronicamente lesada, chamada de “campo de cancerização”, que pode gerar neoplasias sincrônicas (diagnosticadas ao mesmo tempo) ou metacrônicas (diagnosticadas após 6 meses do primeiro tumor). o uso de bebidas alcoólicas também apresenta risco ao desenvolvimento tumoral e possui efeito sinérgico quando associado ao tabagismo. os tumores associado ao hpv tendem a se desenvolver em indivíduos mais jovens e acometer predominantemente a orofaringe (amígdalas e base da língua). a identificação de infecção por hpv está relacionada a uma melhor resposta ao tratamento e influencia na escolha da modalidade de tratamento e se instituído. outros fatores de risco identificados são: exposição à radiação, deficiências de vitaminas, doença periodontal, imunossupressão e outras exposições ambientais e ocupacionais.

 

Texto: Dr. Luis Rafael da Silva – Médico Oncologista CRM 20254

× Como posso te ajudar?